quinta-feira, 31 de julho de 2014

A maldição da família Kennedy: uma assustadora lenda urbana norte-americana...

Hoje vamos falar sobre uma das lendas urbanas mais comentadas no território norte-americano e que sempre perpassa em comentários gerais acerca da paranormalidade envolvendo um grupo de pessoas, neste caso a própria família Kennedy.

A “tragédia dos Kennedy”, ou também conhecida como “maldição da família Kennedy” são termos gerais usados para descrever a série de tragédias que tomaram conta dos membros desta influente família de políticos estadunidenses. Muitos céticos afirmam que os casos relatados são forçados para que as pessoas reconheçam uma suposta maldição envolvendo o nome destas pessoas.

Diversas pessoas relacionadas ao espiritismo e à paranormalidade dizem que paira sobre a família uma verdadeira maldição ainda não identificada em sua origem. Vários membros dos Kennedy morreram de causas não naturais, os mais proeminentes foram os assassinatos dos irmãos John (foto abaixo) e Robert, mortos em 1963 e 1968 respectivamente, e o filho do primeiro, John Jr. (foto abaixo), que morreu em um acidente de avião junto com sua esposa e cunhada, em 1999.



A existência de tal maldição tem sido discutida por outros que têm argumentado que muitas dessas tragédias foram causadas por negligência grosseira, como dirigir embriagado ou pilotar uma aeronave em condições precárias, e outras seriam resultado natural dos acontecimentos que poderiam ocorrer a famílias numerosas, tais como o câncer e aborto espontâneo, de modo a noção de uma maldição é uma criação da mídia.

Segundo um grupo de paranormais norte-americanos que pregam a maldição dos Kennedy, a fonte seria a religiosidade. Como os Estados Unidos são uma nação fundada por protestantes, ditos “WASP” (sigla para “brancos, ingleses e protestantes”), não caberia ao país uma família católica no comando da política daquele país, uma vez que mais de 90% dos presidentes são de cunho protestante. Entretanto esse é um argumento muito frágil e fácil de ser rebatido: em um país com tradição protestante e cuja população majoritariamente segue esta denominação, é óbvio que teremos predominância desta cultura religiosa, sem ligarmos a maldições e conjurações sobrenaturais.


Cronologia da suposta maldição da família Kennedy...
1941 – Rosemary Kennedy pensava sofrer de retardamento mental. No entanto, algumas fontes afirmam que sofria de uma doença mental mais grave, com picos de depressão. Devido ao seu clima crescente de violência e mudanças de humor, Joe Kennedy secretamente organizou que a submetessem a uma lobotomia. A cirurgia complicou suas habilidades cognitivas e, como consequência, permaneceu internada em um hospital psiquiátrico até sua morte em 2005.

1944 – Joseph Kennedy Jr. morreu na explosão de um avião no nordeste da Inglaterra em uma missão enquanto pilotava na Segunda Guerra Mundial.

1948 – Kathleen Kennedy Cavendish morreu em um acidente de avião na França com o seu amante, Peter Wentworth-Fitzwilliam.

1956 – Jacqueline Kennedy deu à luz uma filha nascida morta. Apesar de não colocarem-lhe um nome, a enterraram no Cemitério Nacional de Arlington com seus pais com uma legenda que dizia “Filha”, mais tarde, os relatórios indicam que os Kennedy tinham intenção de chamá-la de Arabella.

1963 – Patrick Bouvier Kennedy, nascido em seis semanas prematuro, morreu dois dias após seu nascimento. E o evento mais importante, ocorrido em 22 de novembro daquele ano: o presidente John Kennedy foi assassinado em Dallas.


ATENÇÃO! EM RESPEITO AOS NOSSOS LEITORES, NÃO COLOCAMOS AS FOTOS DA AUTÓPSIA DE JOHN KENNEDY PORQUE SÃO MUITO FORTES. ESSAS FOTOS PODEM SER ENCONTRADAS EM VÁRIOS ÂNGULOS NO PRÓPRIO SITE DE IMAGENS DO GOOGLE.

1964 – O senador por Massachusetts Edward Kennedy envolveu-se em um acidente de avião que matou um de seus assessores e o piloto. Ele foi retirado dos destroços pelo senador Birch Bayh e passou semanas no hospital se recuperando da parte traseira quebrada, um pulmão perfurado, costelas quebradas e hemorragia interna.

1968 – Robert Kennedy é assassinado por Sirhan Sirhan em Los Angeles no dia em que venceu a primária democrata da Califórnia na corrida presidencial, e tudo indicava que esta seria a volta da família Kennedy ao comando dos Estados Unidos.

1969 – No acidente Chappaquiddick, um carro dirigido por Ted Kennedy cai de uma ponte em Martha’s Vineyard, afogando a passageira Mary Kopechne, sua secretária. Na sua declaração televisionada em 25 de julho, Kennedy disse que na noite do acidente se perguntava que “se uma maldição real se mantinha sobre todos os Kennedy”.

1973 – Joseph Kennedy II é o motorista em um acidente de carro que deixou um passageiro, Pam Kelley, permanentemente paralisado. Ainda: Edward Kennedy Jr. perdeu parte da perna esquerda devido ao câncer de osso aos 12 anos de idade.

1984 – David Kennedy morreu de uma overdose de Demerol e cocaína no seu quarto em um hotel em Palm Beach.

1991 – William Kennedy Smith foi julgado por estupro e é absolvido de todas as acusações.

1997 – Michael Kennedy morreu em um acidente de esqui em Aspen, Colorado.

1999 – John F. Kennedy Jr., sua esposa e sua cunhada morreram no avião Piper Saratoga pilotado por Kennedy, que caiu no Oceano Atlântico a caminho de Martha’s Vineyard.


2011 – Kara Anne Kennedy morreu de ataque cardíaco enquanto praticava exercícios em um clube de Washington.

2012 – A segunda mulher de Robert Kennedy Jr., Mary, de 52 anos, suicidou-se por enforcamento na sua casa de Bedford, no estado norte-americano de Nova York.