sábado, 23 de novembro de 2013

Você já ouviu falar nos estranhos animais chamados “símios-de-bondo”?!

Os símios-de-bondo seriam macacos gigantes de existência ainda não comprovada que supostamente habitariam as densas florestas da região de Bondo, na República Democrática do Congo, no centro da África. Por vários séculos há relatos de avistamentos deste animal, desde exploradores europeus até habitantes locais.


Vale ressaltar que a biologia está sempre se renovando quando são encontradas novas espécies de animais. Curiosamente, até o século 19, o gorila era considerado um mito entre os cientistas euroamericanos; para eles, as pessoas confundiam homens protegidos com pele animal com macacos gigantes. Entretanto, na virada para o século 20 foi comprovada a existência dos grandes gorilas africanos, que hoje encontramos em qualquer zoológico do mundo. É por isso que muitos estudiosos ainda estão à caça de comprovações de um símio-de-bondo vivo.


Inicialmente, foram encontrados crânios de macacos gigantes na região de Bili, que foram classificados como pertencentes a uma nova subespécie de macacos pelo pesquisador Henri Shoutenden, em 1927. Karl Ammann, um fotógrafo suíço, partiu em 1934 para procurar evidências dos símios-de-bondo. Ele achou uma série de moradias de macacos no chão, um hábito de gorilas – que haviam sido recentemente descobertos e comprovados cientificamente. Ammann também achou fezes no chão ricas em proteínas de frutas.

Muitos anos depois, os cientistas decidiram investigar o DNA destas fezes recolhidas pelo fotógrafo explorador, mas houve a infelicidade de não ser a comprovação científica da espécie. O exame mostrou ser uma série de fezes de chimpanzés.

Os cientistas acreditam que os símios-de-bondo sejam uma subespécie resultante do cruzamento de chimpanzés e gorilas. Ainda não se provou a existência, mas Karl Ammann conseguiu duas supostas fotografias do animal.

Há uma outra criatura parecida com os símios-de-bondo, chamada de skunk-ape; semelhante a um gorila, sua existência ainda não foi provada. É relatado que este animal habita o sudeste dos Estados Unidos, principalmente a Flórida. De acordo com os estudiosos, seria uma lenda semelhante ao Yeti e ao Pé Grande. Foram tiradas fotos deste animal, mas a mais famosa foi tirada em 2000 por um fotógrafo não identificado (foto abaixo) em Sarasota, na Flórida.


Até os dias de hoje vários estudiosos tentam comprovar existência de seres terrenos que poucas pessoas supostamente teriam visto. Assim ocorre com o Monstro do Lago Ness, Pé Grande, Yeti, e também com as duas criaturas que vimos no post de hoje, o símio-de-bondo e o skunk-ape. A esperança destes estudiosos é que sejam casos parecidos aos dos gorilas, que antes de serem encontrados eram tidos como criaturas lendárias e imaginárias das tribos africanas.